São Paulo se classifica com 3 a 1 em cima da Ponte

Em jogo vibrante, Tricolor consegue o placar mnimo e avana na Copa do Brasil

São Paulo se classifica com 3 a 1 em cima da Ponte
São Paulo se classifica com 3 a 1 em cima da Ponte (Foto: Gaspar Nóbrega/VIPCOMM)

Saopaulofc.net - Aos 12 minutos, quando a Ponte Preta marcou um gol, até o mais otimista são-paulino temeu pelo pior. Afinal, o São Paulo precisaria de três gols para se classificar. Mas, dentro do Morumbi, o Tricolor é muito difícil de ser batido, como bem lembrou Casemiro dias atrás.

A tarefa era difícil, de fato. Porém, não para quem tem Lucas, Luis Fabiano, Casemiro, Jadson, Cícero, Cortez e tantos outros bons jogadores. Na base da raça e da vontade, o São Paulo virou para cima da Ponte Preta e venceu por 3 a 1, na noite desta quinta-feira, no Morumbi.

Depois de sofrer o gol logo no início da partida, a equipe não se entregou. E antes do intervalo, o Tricolor conseguiu dois gols com Casemiro e Lucas. Na etapa final, coube a Luis Fabiano deixar a sua marca, mostrar que é o Rei do Morumbi, e classificar o São Paulo para as quartas de final da Copa do Brasil.

Com a vaga, o time são-paulino enfrentará o Goiás na próxima fase da competição nacional. Nesta quinta-feira, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou os mandos de campo e a primeira partida será no Morumbi, enquanto o jogo decisivo em Goiânia. As datas ainda serão definidas pela entidade.

VIRADA NA RAÇA

O técnico Emerson Leão entrou em campo com o time treinado durante a semana. Lucas, Luis Fabiano e Fernandinho formaram o trio de ataque da equipe. Mesmo melhor em campo, o Tricolor levou um duro golpe aos 12 minutos, quando a Ponte Preta abriu o placar com Somália.

Com o resultado parcial, o São Paulo precisaria fazer três gols para ficar com a vaga. A torcida já começou a ficar impaciente com o time, que mostrou muita raça e vontade em campo no primeiro tempo. Luis Fabiano e Edson Silva tentaram empatar o jogo, mas a bola foi para fora.

Mas, aos 38 minutos, Lucas cobrou falta e Casemiro apareceu no segundo pau para deixar tudo igual no Morumbi. E não demorou muito para a equipe virar o jogo. Aos 40, Lucas aproveitou vacilo do goleiro da Ponte Preta, roubou a bola e tocou para o fundo da rede adversária.

ARTILHEIRO DECIDE

Na volta do intervalo, Emerson Leão colocou Jadson no lugar de Fernandinho. O camisa 10 entrou com a missão de organizar o meio de campo tricolor. Antes do primeiro minuto, Luis Fabiano foi lançado pela direita e bateu cruzado, assustando o goleiro Bruno Fuso.

O Tricolor passou a sufocar a Ponte Preta. Seja pela direita ou pela esquerda, o São Paulo queria o gol de qualquer maneira. Aos 21 minutos, Jadson deu ótimo passe para Cortez, que foi na linha de fundo e tocou para Luis Fabiano. Aí, todos já sabiam. O camisa 9 dominou, virou e guardou. Explosão no Morumbi.

Foi o 300⁰ gol em partidas oficiais do Fabuloso, que marcou em todas as fases da Copa do Brasil deste ano. O gol não diminuiu o ímpeto são-paulino, que seguiu em cima do rival. Em um dos lances, Douglas deu bom passe para Jadson, que quase marcou.

Aos 31, Leão colocou Maicon na vaga de Casemiro, que saiu aplaudido. No fim do jogo, Renato Cajá descontou para a Ponte Preta, mas o árbitro assinalou corretamente o impedimento. Com a raça mostrada em campo seria até injustiça a vaga não ficar com o São Paulo. E ela ficou. A torcida explodiu no Morumbi. É hora de comemorar.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247