Só em 2018, diz Wellington sobre vagas de vice e de senador

O governador do Piauí, Wellington Dias, preferiu não comentar a disputa na base aliada para definição das candidaturas majoritárias que disputarão as eleições no ano que vem; sobre a vaga de vice-governador e a segunda-vaga de senador na chapa, o chefe do executivo estadual disse que serão discutidas apenas no próximo ano; "Isso não é um jogo de palavras, mas é até uma responsabilidade com o Piauí a gente tratar de eleições só em 2018", disse

O governador do Piauí, Wellington Dias, participa de debate sobre energia eólica no país, durante a 6ª edição do Brazil Windpower (Fernando Frazão/Agência Brasil)
O governador do Piauí, Wellington Dias, participa de debate sobre energia eólica no país, durante a 6ª edição do Brazil Windpower (Fernando Frazão/Agência Brasil) (Foto: Leonardo Lucena)

Piauí 247 - O governador do Piauí, Wellington Dias, preferiu não comentar a disputa na base aliada para definição das candidaturas majoritárias que disputarão as eleições no ano que vem. Sobre a vaga de vice-governador e a segunda-vaga de senador na chapa, o chefe do executivo estadual disse que serão discutidas apenas no próximo ano.

"Quanto a isso eu só posso dizer que sou grato pelo carinho dos líderes. Agora, de verdade, isso não é um jogo de palavras, mas é até uma responsabilidade com o Piauí a gente tratar de eleições só em 2018", disse ele, nesta segunda-feira (2), durante o lançamento do Podemos no Piauí, no auditório da Fiepi, no bairro Redenção, na zona Sul de Teresina.

"Vamos ter etapas pra definir regras até o dia 7, ou pelo Congresso ou pelo judiciário. Vamos saber o que modificou e partir daí é que começa o calendário mais pensando em organizações partidárias. Eu quero tratar no momento certo", acrescentou.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247