Taxas de juros devem cair ainda em 2016; veja como lucrar

Nos últimos anos, a taxa básica de juros subiu com força, indo de um patamar de 7,25% ao ano até chegar aos 14,25% ao ano atuais. Contudo, é praticamente consenso entre economistas e o mercado financeiro que esse ciclo de alta chegou ao fim

Taxas de juros devem cair ainda em 2016; veja como lucrar
Taxas de juros devem cair ainda em 2016; veja como lucrar (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

SÃO PAULO – Nos últimos anos, a taxa básica de juros subiu com força, indo de um patamar de 7,25% ao ano até chegar aos 14,25% ao ano atuais. Contudo, é praticamente consenso entre economistas e o mercado financeiro que esse ciclo de alta chegou ao fim. Por mais que a expectativa não seja de corte de juros na reunião do Copom (Comitê de Política Monetária) nesta quarta-feira (27), para os próximos meses está no radar uma queda na taxa básica de juros. Assim, como o investidor deveria se posicionar para se beneficiar desse movimento?

“Segundo o relatório Focus do Banco Central, a Selic deve ser de 13,25% no final de 2016 e de 12% no final de 2017. Portanto, segundo o mercado, temos uma expectativa de um corte de um ponto percentual ainda neste ano, o que pode gerar algumas oportunidades na renda fixa”, comenta André Albo, sócio da Alta Vista Investimentos. 

Notícias relacionadas

Carollyne Mariano, sócia da Atlas Invest, comenta que o investidor pode buscar títulos prefixados no Tesouro Direto, programa de compra e venda de títulos públicos do governo federal, que estão com uma taxa atrativa atualmente, mesmo que tenham recuado em relação aos patamares que se encontravam antes.

André Albo concorda e também aponta que existem bons títulos privados prefixados, como os CDB (Certificados de Depósito Bancário) que podem trazer boa rentabilidade. Vale lembrar que esses títulos contam com a garantia do FGC (Fundo Garantidor de Crédito) de até R$ 250 mil por investidor por instituição financeira.

Carollyne comenta ainda que não descartaria a bolsa de valores como uma boa escolha. “Com a queda de juros, empresas tomadoras de crédito tendem a se beneficiar, além de uma possível melhora na economia, com isso, haverá uma busca por melhores rentabilidades, visto que os juros cairão, então acho que alocar parte da carteira em bolsa, para os investidores que possuem esse perfil, me parece fazer sentido também”, explica.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247