Temer fala como presidente no Twitter e é enquadrado por Paulo Pimenta

"Leio hoje nos jornais as acusações de que acabarei com o bolsa família. Falso. Mentira rasteira. Manterei todos programas sociais", disse o vice-presidente Michel Temer, no Twitter, sentando-se na cadeira presidencial antes mesmo da votação deste domingo no Congtresso; a resposta veio rápida do deputado Paulo Pimenta (PT-RS); "@MichelTemer está falando como Presidente? Como assim vai acabar? O senhor não é Presidente e não vai ter golpe #NaoVaiTerGolpeVaiTerLuta"; Temer, que pretendia passar o fim de semana em São Paulo voltou às pressas a Brasília, para tentar conter a debandada de parlamentares que desistem do golpe

"Leio hoje nos jornais as acusações de que acabarei com o bolsa família. Falso. Mentira rasteira. Manterei todos programas sociais", disse o vice-presidente Michel Temer, no Twitter, sentando-se na cadeira presidencial antes mesmo da votação deste domingo no Congtresso; a resposta veio rápida do deputado Paulo Pimenta (PT-RS); "@MichelTemer está falando como Presidente? Como assim vai acabar? O senhor não é Presidente e não vai ter golpe #NaoVaiTerGolpeVaiTerLuta"; Temer, que pretendia passar o fim de semana em São Paulo voltou às pressas a Brasília, para tentar conter a debandada de parlamentares que desistem do golpe
"Leio hoje nos jornais as acusações de que acabarei com o bolsa família. Falso. Mentira rasteira. Manterei todos programas sociais", disse o vice-presidente Michel Temer, no Twitter, sentando-se na cadeira presidencial antes mesmo da votação deste domingo no Congtresso; a resposta veio rápida do deputado Paulo Pimenta (PT-RS); "@MichelTemer está falando como Presidente? Como assim vai acabar? O senhor não é Presidente e não vai ter golpe #NaoVaiTerGolpeVaiTerLuta"; Temer, que pretendia passar o fim de semana em São Paulo voltou às pressas a Brasília, para tentar conter a debandada de parlamentares que desistem do golpe (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

RS 247 – Na manhã deste sábado, mais uma vez o vice-presidente Michel Temer sentou-se antecipadamente na cadeira de presidente da República.

"Leio hoje nos jornais as acusações de que acabarei com o bolsa família. Falso. Mentira rasteira. Manterei todos programas sociais", disse ele, no Twitter, antes mesmo da votação deste domingo no Congtresso.

A resposta veio rápida do deputado Paulo Pimenta (PT-RS); "@MichelTemer está falando como Presidente? Como assim vai acabar? O senhor não é Presidente e não vai ter golpe #NaoVaiTerGolpeVaiTerLuta".

Temer, que pretendia passar o fim de semana em São Paulo voltou às pressas a Brasília, para tentar conter a debandada de parlamentares que desistem do golpe (leia mais aqui).

Hoje, o Brasil amanheceu ao som da canção "Vira, virou" (escute aqui).

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email