Transalvador para aos finais de semana

Paralisação dos agentes da Superintendência de Trânsito e Transporte do Salvador (Transalvador) se deve à falta de pagamento dos serviços realizados nas operações especiais, atrasado há um mês e meio; o que corresponde a uma dívida de cerca de R$ 200 mil

Transalvador para aos finais de semana
Transalvador para aos finais de semana (Foto: Divulgação)

Bahia 247

Os agentes da Superintendência de Trânsito e Transporte do Salvador (Transalvador) fizeram neste domingo a terceira paralisação consecutiva em finais de semana, quando são realizadas as chamadas operações especiais (blitze de alcoolemia, apoio a eventos e jogos e mudanças de tráfego).

Esses serviços estão sendo prestados por supervisores e servidores com cargos comissionados do órgão, como o CORREIO mostrou em reportagem do dia 4 deste mês.

De acordo com informações da Associação dos Servidores em Transporte e Trânsito do Município (Astran), a paralisação se deve à falta de pagamento dos serviços realizados nas operações especiais, atrasado há um mês e meio, o que corresponde a uma dívida de cerca de R$ 200 mil.

Ainda segundo a Astran, o superintendente da Transalvador já regularizou o pagamento dos tickets-alimentação dos finais de semana, que também estava atrasado. O Astran ainda informa que mesmo antes da paralisação, já houve uma redução do efetivo utilizado para as operações especiais, passando de 100 a 120 agentes para 40 a 50 funcionários. Apenas dois acidentes foram registrados ontem.

Em um desses acidentes, um caminhão invadiu a área de uma casa em Campinas de Pirajá. Segundo informações da Transalvador, no início da manhã de ontem, o motorista perdeu o controle do caminhão em uma ribanceira e o veículo desceu, derrubando parte do muro da casa. Não houve registro de feridos. Já em Patamares, o motorista de um Honda Civic ficou ferido após o carro capotar, sendo socorrido pelo Samu.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247