Vera Lúcia: "Banese investe todo lucro em Sergipe"

A presidente do Banco do Estado de Sergipe, Vera Lúcia Oliveira, faz um balanço do ano de 2013, que ela avalia como "positivo"; "Diferente do que aconteceu com a maioria dos bancos públicos estaduais, que foi privatizada, liquidada ou federalizada, o Banese se mantém como instituição financeira pública estadual sólida e rentável. Há mais de meio século, o Banese contribui incessantemente para o desenvolvimento econômico do Estado de Sergipe", disse

A presidente do Banco do Estado de Sergipe, Vera Lúcia Oliveira, faz um balanço do ano de 2013, que ela avalia como "positivo"; "Diferente do que aconteceu com a maioria dos bancos públicos estaduais, que foi privatizada, liquidada ou federalizada, o Banese se mantém como instituição financeira pública estadual sólida e rentável. Há mais de meio século, o Banese contribui incessantemente para o desenvolvimento econômico do Estado de Sergipe", disse
A presidente do Banco do Estado de Sergipe, Vera Lúcia Oliveira, faz um balanço do ano de 2013, que ela avalia como "positivo"; "Diferente do que aconteceu com a maioria dos bancos públicos estaduais, que foi privatizada, liquidada ou federalizada, o Banese se mantém como instituição financeira pública estadual sólida e rentável. Há mais de meio século, o Banese contribui incessantemente para o desenvolvimento econômico do Estado de Sergipe", disse (Foto: Valter Lima)

Sergipe 247 - Entrevistada pelo caderno Sergipe Notícias, do jornalista André Barros, a presidente do Banco do Estado de Sergipe, Vera Lúcia Oliveira, faz um balanço do ano e diz que 2013 foi "positivo". "Diferente do que aconteceu com a maioria dos bancos públicos estaduais, que foi privatizada, liquidada ou federalizada, o Banese se mantém como instituição financeira pública estadual sólida e rentável. Há mais de meio século, o Banese contribui incessantemente para o desenvolvimento econômico do Estado de Sergipe", disse.

Na entrevista publicada nesta terça-feira (7) no jornal Correio de Sergipe, a presidente diz ainda que "o Banese investe todos os seus lucros no próprio Estado, onde inclusive financia diversos projetos sociais, educativos, esportivos e culturais, dentro dos seus princípios de responsabilidade socioambiental".

Confira a entrevista na íntegra: 

SERGIPE NOTÍCIAS: Qual o balanço do Banese em relação ao ano de 2013? O saldo é positivo ou negativo?

VERA LÚCIA: O nosso balanço é positivo. Diferente do que aconteceu com a maioria dos bancos públicos estaduais, que foi privatizada, liquidada ou federalizada, o Banese se mantém como instituição financeira pública estadual sólida e rentável. Há mais de meio século o Banese contribui incessantemente para o desenvolvimento econômico do Estado de Sergipe. Com mais de 500 mil clientes em sua base de negócios, o Banco alcançou em 2013 a marca de R$ 3,5 bilhões em seu Ativo Total e somou R$ 264 milhões em seu Patrimônio Líquido. Atualmente, temos cerca de 20% do total da participação de mercado de crédito local e 29% dos depósitos totais do Estado.

SN: Como a senhora avalia o crescimento do Banco em 2013? As metas foram alcançadas?

VL: O Banese é uma instituição moderna, atenta às demandas sociais e às exigências impostas pelos cenários socioeconômicos que permeiam seu mercado de atuação. Dessa forma, o Banco vem crescendo, ano a ano, cumprindo as metas estabelecidas dentro do seu Planejamento Estratégico, que é ditado pela Diretoria Executiva e pelo Conselho de Administração do Banco, com o apoio do maior acionista da instituição, o Governo do Estado.

SN: Quais são as principais vantagens que o Banese oferece aos servidores públicos do Estado de Sergipe?

VL: O Banese foi criado em 1961 como banco de desenvolvimento estadual de Sergipe. Em 1991, tornou-se banco múltiplo. A partir de então, passou a oferecer empréstimos diferenciados, com desconto em folha, para os funcionários públicos. Uma das maiores vantagens que o Banese disponibiliza para os servidores públicos são as taxas de juros que utiliza nos empréstimos para a aquisição da casa própria, que são bastante competitivas. O Banco concede, ainda, empréstimos garantidos de curto prazo para pequenas e médias empresas, sobretudo as pertencentes ao setor público. O Banese tem foco no crédito e na prestação de serviços bancários para clientes pessoas físicas e jurídicas domiciliados no Estado de Sergipe.

SN: O Banese tem investido em tecnologia? De que maneira isso tem beneficiado os clientes?

VL: O Banese investe em tecnologia, equipamentos e treinamento de pessoal, para atender às necessidades dos seus clientes. O Banco tem consciência de que exerce uma atividade extremamente competitiva e busca sempre a melhoria operacional de seus negócios. Desta forma, contratamos novos funcionários, investimos no setor de segurança das nossas unidades e promovemos uma maior qualidade na aplicação dos nossos ativos. Além disso, incrementamos esforços na ampliação da acessibilidade dos nossos produtos e serviços, acompanhando a dinâmica do mercado bancário, que hoje está atrelada às questões conjunturais econômicas aliadas a um maior acesso aos meios digitais. Assim, em 2013, o Banco entrou numa nova fase de inovações tecnológicas, ampliando e melhorando os seus canais de atendimento, com destaque para o novo Internet Banking e a implantação do aplicativo para smartphones e tablets através do qual os clientes podem realizar suas transações bancárias com mais facilidade.

SN: E para este novo ano, quais são as perspectivas? O Banco pretende realizar mais investimentos?

VL: Os nossos esforços continuarão sendo direcionados à expansão da base de clientes, do portfólio de produtos e serviços na rede eletrônica e do apoio à força de vendas, sem esquecer o incentivo às manifestações culturais e artísticas que enaltecem o sentimento de sergipanidade, muito presente na instituição. O Banese, além de estar presente em todos os 75 municípios sergipanos, investe todos os seus lucros no próprio Estado, onde inclusive financia diversos projetos sociais, educativos, esportivos e culturais, dentro dos seus princípios de responsabilidade socioambiental.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247