Vídeo inédito mostra últimos momentos de Lula no sindicato

O cineasta Max Alvim, que já fez um documentário sobre a caravana de Lula no Nordeste, filmou as últimas cenas do ex-presidente no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC antes de se apresentar à Polícia Federal para ser preso; Lula aparece abraçando e se despedindo dos presentes; o vídeo foi publicado com exclusividade pelo DCM

O cineasta Max Alvim, que já fez um documentário sobre a caravana de Lula no Nordeste, filmou as últimas cenas do ex-presidente no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC antes de se apresentar à Polícia Federal para ser preso; Lula aparece abraçando e se despedindo dos presentes; o vídeo foi publicado com exclusividade pelo DCM
O cineasta Max Alvim, que já fez um documentário sobre a caravana de Lula no Nordeste, filmou as últimas cenas do ex-presidente no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC antes de se apresentar à Polícia Federal para ser preso; Lula aparece abraçando e se despedindo dos presentes; o vídeo foi publicado com exclusividade pelo DCM (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O cineasta Max Alvim filmou as últimas cenas do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC antes de ele se apresentar à Polícia Federal para ser preso, no sábado, 7 de abril. Alvim passou dois dias no sindicato. Nas imagens, o ex-presidente aparece abraçando e se despedindo dos presentes; o vídeo foi publicado com exclusividade pelo DCM.

No vídeo, Lula abraça amigos, lideranças políticas que estão no saguão do segundo andar, local onde pernoitou de sexta para sábado, segundo informações do DCM, que publicou o vídeo com exclusividade nesta quarta-feira 18. Os presentes gritam várias vezes "Lula guerreiro do povo brasileiro". As imagens são parte do projeto de crowdfunding do DCM chamado "O Povo Pode". O site pede a colaboração dos leitores para finalizá-lo.

Assista:

Max Alvim é diretor de um documentário sobre a caravana de Lula no Nordeste. Assista à entrevista que ele concedeu à TV 247 em fevereiro deste ano sobre o filme:

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247