Vitti agrega renovação e força política na chapa majoritária da base

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado José Vitti (PSDB), foi confirmado primeiro suplente da senadora e pré-candidata à reeleição Lúcia Vânia (PSB); a escolha de Vitti para compor a chapa majoritária da base aliada decorreu na ideia de agregar força política à candidatura a governador de José Eliton (PSDB) e, principalmente, ao projeto da senadora Lúcia Vânia, visto que ele tem amplo trânsito junto na aliança liderada pelo PSDB em Goiás, além de ser um político jovem, habilidoso e preparado intelectualmente

Vitti agrega renovação e força política na chapa majoritária da base
Vitti agrega renovação e força política na chapa majoritária da base

Goiás 247 - O presidente da Assembleia Legislativa de Goiás, deputado estadual José Vitti (PSDB), foi confirmado neste domingo, 25, em grande convenção dos tucanos e partidos aliados no ginásio Goiânia Arena, primeiro suplente da senadora e pré-candidata à reeleição Lúcia Vânia (PSB).

A escolha de Vitti para compor a chapa majoritária da base aliada decorreu na ideia de agregar força política à candidatura a governador de José Eliton (PSDB) e, principalmente, ao projeto da senadora Lúcia Vânia, visto que ele tem amplo trânsito junto na aliança liderada pelo PSDB em Goiás, além de ser um político jovem, habilidoso e preparado intelectualmente.

Vitti é unanimidade na política em Goiás. Até a oposição mais empedernida, como os deputados José Nelto (Podemos) e Luís Cesar Bueno (PT), reconhecem nele qualidades de estadista e fizeram questão de fazer registro neste sentido na tribuna da Assembleia. O ex-governador Marconi Perillo (PSDB) afirma que Vitti é a maior revelando política de Goiás e dá show de gestão no comando do Legislativo goiano.   

A definição do nome de Vitti como companheiro de chapa da senadora Lúcia Vânia teve a aprovando geral dos deputados estaduais da bancada da base aliada. Thalles Barreto (PSDB), por exemplo, disse que Vitti é hoje um dos políticos importantes de Goiás e não poderia ficar de fora do pleito de outubro próximo.

Vitti, que havia desistido de disputar a reeleição em razão da descoberta de um nódulo no fígado, depois diagnosticado como benigno, disputa  as eleições de 2018 como principal aposta da base aliadas para concorrer ao cargo de prefeito de Goiânia em 2020. 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247