Corpo do indigenista Bruno Pereira chega ao Recife

O corpo do indigenista da Funai Bruno Pereira chegou à capital pernambucana em um jato da Polícia Federal

www.brasil247.com - Bruno Pereira (à esq.) e Dom Phillips
Bruno Pereira (à esq.) e Dom Phillips (Foto: REUTERS/Bruno Kelly | Reprodução/TV Globo | Reprodução/Twitter)


247 - O corpo do indigenista da Fundação Nacional do Índio (Funai) Bruno Pereira chegou na noite desta quinta-feira (23) ao Recife (PE) em um jato da Polícia Federal. A aeronave prefixo PR-PFN aterrissou pouco depois das 18h30, no Aeroporto Internacional Guararapes/Gilberto Freyre, na Zona Sul da capital pernambucana. O voo saiu de Brasília (DF) e parou no Rio de Janeiro, onde deixou o corpo do jornalista inglês Dom Phillips com familiares. 

Os dois foram assassinados no dia 5 de junho na região do Vale do Javari, no Amazonas. 

O velório do indigenista ocorre no Morada da Paz (PE) a partir das 9h da sexta-feira (24), na Sala de Velório Central. O corpo de Bruno  Pereira deve ser cremado às 15h.

Policiais prenderam três pessoas - Amarildo da Costa Oliveira, conhecido como Pelado, o seu irmão, Oseney da Costa de Oliveira, e Jeferson da Silva Lima, conhecido como Pelado da Dinha.

Investigadores identificaram pelo menos outras cinco pessoas que teriam participado do crime. 

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

O conhecimento liberta. Quero ser membro. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email