Bolsonarista, Ana Paula Henkel dispara fake news sobre vacina na Jovem Pan

Bolsonarista inventou que as vacinas contra covid-19 aplicadas nos Estados Unidos já causaram a morte de 501 pessoas. Canal Jovem Pan, considerado de extrema direita, é conhecido por dar espaço à teorias da conspiração

(Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A ex-jogadora de vôlei Ana Paula Henkel disse, em um programa da Jovem Pan de fevereiro, que as vacinas contra covid-19 aplicadas nos Estados Unidos já causaram a morte de 501 pessoas e mais de 11 mil reações adversas. 

Entretanto, a informação foi distorcida pela comentarista bolsonarista, conhecida por disparar fake news. Isso porque os dados são de uma plataforma na qual qualquer pessoa pode incluí-los e, neste caso, ainda sem investigação por parte dos órgãos responsáveis. Por isso, os números não podem ser creditados à vacinação de forma oficial.

Segundo reportagem do portal UOL, A fonte que Ana Paula utilizou é do site do VAERS (Sistema de Notificação de Eventos Adversos de Vacinas, na tradução), do CDC (Centro de Controle e Prevenção de Doenças), agência do departamento de saúde dos EUA. A plataforma, de fato, reportou 501 mortes e 11.249 eventos adversos por conta das vacinas, no final de janeiro, mas ainda não houve nenhuma verificação do CDC.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email