Boulos: quem faz piada com enterro de criança não tem condição moral pra ser juíza

Para Guilherme Boulos, "falta humanidade, falta isenção, falta caráter" à desembargadora Marilia Castro Neves, que tirou sarro com a notícia de que o líder do MTST compareceu ao velório do neto de Lula; "Fico aqui me perguntando o que Boulos foi fazer no cemitério... invadir covas improdutivas?", indagou Marilia nas redes sociais

Boulos: quem faz piada com enterro de criança não tem condição moral pra ser juíza
Boulos: quem faz piada com enterro de criança não tem condição moral pra ser juíza

247 - A desembargadora Marilia Castro Neves, alvo de ação no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) por ter incitado o assassinato de Guilherme Boulos, acaba de fazer uma piada com o velório do neto do ex-presidente Lula envolvendo novamente o líder do MTST.

"Fico aqui me perguntando o que Boulos foi fazer no cemitério... invadir covas improdutivas?", indagou Marilia em sua página no Facebook. Boulos reagiu: "falta humanidade, falta isenção, falta caráter". Para ele, ela "não tem condição moral pra ser juíza".

A desembargadora também já incitou a morte de Jean Wyllys, que deixou o País por conta de ameaças de morte, e publicou mentiras contra Marielle Franco na época do assassinato da vereadora, há um ano.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247