DCM: Janot desmoralizou a Lava Jato do Paraná

"Rodrigo Janot roubou a cena de Sérgio Moro. Era fatal que uma hora isso acontecesse. Cansou", diz o jornalista Kiko Nogueira, no DCM; "Janot reuniu muito mais provas contra Michel, Aécio e outros pústulas em alguns meses do que o pessoal da Curitiba contra Lula em mais de três anos. O que se apresenta contra a tropa de MT é consistente e abrangente. O braço curitibano acabou desmoralizado em sua caçada obsessiva contra um homem e um partido só"

"Rodrigo Janot roubou a cena de Sérgio Moro. Era fatal que uma hora isso acontecesse. Cansou", diz o jornalista Kiko Nogueira, no DCM; "Janot reuniu muito mais provas contra Michel, Aécio e outros pústulas em alguns meses do que o pessoal da Curitiba contra Lula em mais de três anos. O que se apresenta contra a tropa de MT é consistente e abrangente. O braço curitibano acabou desmoralizado em sua caçada obsessiva contra um homem e um partido só"
"Rodrigo Janot roubou a cena de Sérgio Moro. Era fatal que uma hora isso acontecesse. Cansou", diz o jornalista Kiko Nogueira, no DCM; "Janot reuniu muito mais provas contra Michel, Aécio e outros pústulas em alguns meses do que o pessoal da Curitiba contra Lula em mais de três anos. O que se apresenta contra a tropa de MT é consistente e abrangente. O braço curitibano acabou desmoralizado em sua caçada obsessiva contra um homem e um partido só" (Foto: Leonardo Attuch)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Por Kiko Nogueira, no DCM

Rodrigo Janot roubou a cena de Sérgio Moro. Era fatal que uma hora isso acontecesse. Cansou.

A Lava Jato de Brasília vem colocando o governo Temer, e sua quadrilha, de joelhos.

Embora o acordo de delação premiada dos irmãos Esley seja absurdo, Janot reuniu muito mais provas contra Michel, Aécio e outros pústulas em alguns meses do que o pessoal da Curitiba contra Lula em mais de três anos.

O que se apresenta contra a tropa de MT é consistente e abrangente.

O braço curitibano acabou desmoralizado em sua caçada obsessiva contra um homem e um partido só.

Leia a íntegra no DCM

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247