Depois de derrota de Macri e do empate de Netanyahu, Bolsonaro ganha o apelido de Mick Jagger

Depois do anúncio de que o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, não conseguiu a maioria dos votos para continuar no poder nas eleições locais e a lembrança de que Maurício Macri perdeu as primárias para o kirshnerismo, as redes sociais começaram a chamar Bolsonaro de Mick Jagger, aludindo ao pé-frio do roqueiro

Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Depois do anúncio de que o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, não conseguiu a maioria dos votos para continuar no poder nas eleições locais e a lembrança de que Maurício Macri perdeu as primárias para o kirshnerismo, as redes sociais começaram a chamar Bolsonaro de Mick Jagger, aludindo ao pé-frio do roqueiro. 

A matéria da revista Exame destaca que "a comparação do presidente com o vocalista da banda de rock Rolling Stones retoma uma teoria popular, que se criou na Copa do Mundo de 2010, disputada na África do Sul. Na época, o cantor ganhou a fama de “pé-frio” porque todos os times para que ele torcia em jogos do Mundial perdiam."

A reportagem ainda acrescenta que "Bolsonaro é apoiador declarado do político israelense, assim como do presidente argentino, Maurício Macri, que perdeu as eleições primárias para a chapa da opositora Cristina Kirchner e, de acordo com as pesquisas eleitorais, deve ser derrotado novamente, com uma desvantagem ainda maior em primeiro turno."

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email