Em debate, Marina Silva pressiona Bolsonaro sobre mulheres e lembra que estado é laico

"Você não sabe o que é uma mulher ganhar um salário menor que o homem, ter as mesmas capacidades e ser a primeira a ser demitida, a ultima a ser promovida, e quando busca emprego, pelo simples fato de ser mulher, não é aceita", afirmou a presidenciável da Rede em ponto alto do debate de candidatos na RedeTV nesta sexta-feira; ela ainda disse que o candidato do PSL quer ganhar "tudo no grito" e lembrou ao adversário que "o estado é laico", quando ouviu que "uma evangélica está propondo plebiscito para maconha e aborto"

Em debate, Marina Silva pressiona Bolsonaro sobre mulheres e lembra que estado é laico
Em debate, Marina Silva pressiona Bolsonaro sobre mulheres e lembra que estado é laico (Foto: Reprodução/TV)

247 - A candidata à presidência pela Rede Sustentabilidade, Marina Silva, deu uma bronca em Jair Bolsonaro (PSL) no debate dos presidenciáveis da RedeTV!, na noite desta sexta-feira 17. Em um embate da dupla, num dos únicos pontos altos do debate, Marina, questionada se concordava em armar a população, como Bolsonaro, respondeu que "não" e pressionou o adversário sobre declarações dele em relação às mulheres.

Marina criticou Bolsonaro porque ele afirma que um governo nada pode fazer a respeito da disparidade entre salários de homens e mulheres. "Você não sabe o que é uma mulher ganhar um salário menor que o homem, ter as mesmas capacidades e ser a primeira a ser demitida, a ultima a ser promovida, e quando busca emprego, pelo simples fato de ser mulher, não é aceita", disse ao oponente.

Bolsonaro ainda tentou dizer a Marina como sente uma mulher, citando "mães que têm seus filhos levados para o mundo das drogas". Em seguida, atacou Marina por ser "uma evangélica que propõe plebiscito sobre maconha e aborto". Marina respondeu que o estado é laico.

"Você acha que pode resolver tudo no grito e na violência", criticou ainda Marina Silva, pontuando um gesto do candidato, que posou para uma foto ao lado de uma criança ensinando-a fazer o sinal de uma arma. Pouco depois, o candidato do PSOL, Guilherme Boulos, elogiou Marina por ter "colocado Bolsonaro em seu devido lugar". Confira os dois trechos da fala de Marina:

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247