Facebook é acusado de espionar usuários do Instagram através das câmeras dos celulares

Segundo ação apresentada por uma usuária do Instagram, o aplicativo foi utilizado para coletar "informações lucrativas e valiosas sobre os usuários"

(Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - O Facebook foi processado por uma usuária do Instagram, que assegura que a empresa espiou os usuários através das câmeras dos iPhones, informa a Bloomberg.

De acordo com a demanda, apresentada por Brittany Conditi no Tribunal do Distrito Norte da Califórnia, EUA, o acesso intencional à câmera dos dispositivos móveis permitiu ao Instagram coletar "informações lucrativas e valiosas sobre seus usuários, a quais de outro modo não teria acesso".

Por sua vez, o Facebook negou as acusações e atribuiu o fato a um erro que, segundo um porta-voz, provocou notificações falsas de que o Instagram estava acessando as câmeras do iPhone, relata The Independent.

"Apenas acessamos sua câmera quando solicitado, por exemplo, quando você altera do Feed para câmera. Encontramos e estamos corrigindo um erro no iOS 14 Beta, que indica erroneamente que algumas pessoas estão usando a câmera quando não estão", afirmou o porta-voz.

Outras denúncias foram feitas no dia 13 de agosto, quando o Instagram foi processado por supostamente coletar dados biométricos de mais de 100 milhões de usuários daquela plataforma especializada em compartilhamento de fotos e vídeos.

A demandante, Kelly Whalen, afirma que o Instagram coleta, salva e se beneficia dos dados biométricos dos usuários sem exigir sua permissão prévia e até mesmo sem informá-los sobre isso.

Segundo o documento, o Facebook só no início deste ano passou a informar os usuários do Instagram sobre a coleta dos dados biométricos.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email