Indecente, Noblat pede que PF impeça viagem de Lula à Etiópia

"Se a prisão de Lula poderá ocorrer dentro de um ou dois meses, é recomendável que se confisque o passaporte dele. Lula está para viajar à Etiópia. Não é o melhor lugar do mundo, pelo contrário. Mas de lá se voa para muitos países", tuitou Noblat, debochando do país africano; a defesa de Lula avisou o TRF4 no dia 16 de janeiro que Lula viajaria à Etiópia, para onde foi convidado a participar de um evento que debaterá o combate à fome no mundo

"Se a prisão de Lula poderá ocorrer dentro de um ou dois meses, é recomendável que se confisque o passaporte dele. Lula está para viajar à Etiópia. Não é o melhor lugar do mundo, pelo contrário. Mas de lá se voa para muitos países", tuitou Noblat, debochando do país africano; a defesa de Lula avisou o TRF4 no dia 16 de janeiro que Lula viajaria à Etiópia, para onde foi convidado a participar de um evento que debaterá o combate à fome no mundo
"Se a prisão de Lula poderá ocorrer dentro de um ou dois meses, é recomendável que se confisque o passaporte dele. Lula está para viajar à Etiópia. Não é o melhor lugar do mundo, pelo contrário. Mas de lá se voa para muitos países", tuitou Noblat, debochando do país africano; a defesa de Lula avisou o TRF4 no dia 16 de janeiro que Lula viajaria à Etiópia, para onde foi convidado a participar de um evento que debaterá o combate à fome no mundo (Foto: Gisele Federicce)

247 - Não contente com a condenação do ex-presidente em segunda instância, pelo TRF4, o colunista Ricardo Noblat, da Veja, pediu que seu passaporte seja apreendido, sugerindo que o ex-presidente possa fugir a partir da viagem à Etiópia, na África, que fará nesta sexta-feira 26.

"Se a prisão de Lula poderá ocorrer dentro de um ou dois meses, é recomendável que se confisque o passaporte dele. Lula está para viajar à Etiópia. Não é o melhor lugar do mundo, pelo contrário. Mas de lá se voa para muitos países", tuitou Noblat, debochando ainda do país africano.

A defesa de Lula avisou aos desembargadores do TRF4 no dia 16 de janeiro que Lula faria uma viagem à Etiópia, para onde foi convidado a participar de um evento que debaterá o combate à fome no mundo. Ele retornará ao Brasil na próxima segunda-feira 29.

Nesta quinta-feira 25, o advogado Carlos Alexandre Klomfahs pediu que o TRF4 apreenda o passaporte de Lula. Na avaliação de juristas, o pedido não deve ser acolhido, porque o advogado não é parte no caso. O Tribunal poderia ter decretado de ofício a apreensão ou atender um eventual pedido do Ministério Público.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247