Kennedy Alencar: busca de alianças de Ciro não deve ser demonizada

“Nessa fase da campanha, Ciro Gomes (PDT) tem procurado modificar o seu programa para atender a partidos mais conservadores, do chamado Centrão, como o DEM, por exemplo”, diz Kennedy Alencar; para ele, Ciro está agindo dentro da regra do jogo, assim como Alckmin (PSDB), e tais movimentos não devem ser demonizados porque o presidente não se elege com maioria e precisa de alianças para governar

Kennedy Alencar: busca de alianças de Ciro não deve ser demonizada
Kennedy Alencar: busca de alianças de Ciro não deve ser demonizada
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Como o presidente da República não se elege com maioria no Congresso, ele precisa fazer alianças para governar, pondera Kennedy Alencar, em seu blog. “Nessa fase da campanha, Ciro Gomes (PDT) tem procurado modificar o seu programa de governo para atender a partidos mais conservadores, do chamado Centrão, como o DEM, por exemplo. O pedetista está agindo dentro da regra do jogo. Na atual fase da campanha, Ciro e Geraldo Alckmin (PSDB) estão no papel deles ao buscar alianças para governar. Não se deve demonizar tais movimentos”.

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247