Lula diz que Folha ‘inventou’ declarações dele sobre Delcídio

Ex-presidente nega ter dito "que idiota" sobre o senador do PT preso ontem pela PF e "coisa de imbecil" sobre o comportamento do parlamentar, que o levou à prisão; "Mais uma vez, com base em supostas fontes anônimas, este jornal atribui ao ex-presidente frases que nunca foram ditas por ele", diz em nota a assessoria de imprensa do Instituto Lula

Ex-presidente nega ter dito "que idiota" sobre o senador do PT preso ontem pela PF e "coisa de imbecil" sobre o comportamento do parlamentar, que o levou à prisão; "Mais uma vez, com base em supostas fontes anônimas, este jornal atribui ao ex-presidente frases que nunca foram ditas por ele", diz em nota a assessoria de imprensa do Instituto Lula
Ex-presidente nega ter dito "que idiota" sobre o senador do PT preso ontem pela PF e "coisa de imbecil" sobre o comportamento do parlamentar, que o levou à prisão; "Mais uma vez, com base em supostas fontes anônimas, este jornal atribui ao ex-presidente frases que nunca foram ditas por ele", diz em nota a assessoria de imprensa do Instituto Lula (Foto: Gisele Federicce)

247 – A assessoria de imprensa do Instituto Lula negou, por meio de nota, que o ex-presidente tenha feito as declarações sobre o senador Delcídio Amaral (PT-MS) publicadas em reportagem no site da Folha de S. Paulo.

Segundo o jornal, Lula teria demonstrado "perplexidade" ao comentar a prisão do parlamentar pela Polícia Federal no âmbito da Operação Lava Jato, durante almoço na sede da CUT nesta quinta-feira 26.

"Que loucura! Que idiota", disse Lula, segundo a Folha. De acordo com a reportagem, o ex-presidente teria dito ainda "coisa de imbecil" sobre o comportamento do senador.

"São completamente falsas as declarações atribuídas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre o senador Delcidio do Amaral publicadas nesta quinta-feira (26) pela Folha de S.Paulo. Mais uma vez, com base em supostas fontes anônimas, este jornal atribui ao ex-presidente frases que nunca foram ditas por ele", diz a nota do Instituto Lula.

Delcídio Amaral foi preso sob acusação de atrapalhar as investigações da Lava Jato. Um áudio mostra o senador oferecendo dinheiro à família do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró para que ele não firme acordo de delação premiada e ainda sugerindo uma rota de fuga para Cerveró, que está preso.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247