Meiguice no Roda Viva com Alckmin; é mais fácil bater em Manuela

Ao comentar a entrevista de Geraldo Alckmin (PSDB) ao Roda Vida, o jornalista Ricardo Kotscho diz que lhe chamou a atenção "a meiguice dos entrevistadores com o presidenciável tucano Geraldo Alckmin, em contraste com a crueldade mostrada quando esteve lá há poucas semanas a candidata Manuela D´Ávila, do PCdoB"

Meiguice no Roda Viva com Alckmin; é mais fácil bater em Manuela
Meiguice no Roda Viva com Alckmin; é mais fácil bater em Manuela (Foto: Dir.: em cima (Fabio Pozzebom - ABR); embaixo (reprodução))

247 - "Chamou-me a atenção no Roda Viva de segunda feira a meiguice dos entrevistadores com o presidenciável tucano Geraldo Alckmin, em contraste com a crueldade mostrada quando esteve lá há poucas semanas a candidata Manuela D´Ávila, do PCdoB", diz o jornalista Ricardo Kotscho. "A começar pelo apresentador Ricardo Lessa, que não interrompeu nenhuma vez o tucano e só levantou a bola, parecia mais uma agradável happy-our entre amigos para discutir os rumos da campanha eleitoral", complementa.

Segundo o jornalista, "com uma bancada formada por representantes dos grandes veículos e uma especialista em educação, Alckmin fez da cadeira giratória no centro da arena um palanque". "Estava tão à vontade que nem se deu ao trabalho de responder ao que lhe perguntavam, naquele tom monocórdico de professor de latim de colégio de freiras", continua.

"Quem ainda não sabia em qual candidato votar, ou seja, metade do eleitorado brasileiro, continua com as mesmas dúvidas. Foi tempo perdido. É mais fácil bater em Manuela do que confrontar o ex-governador de São Paulo para arrancar dele respostas mais objetivas", acrescenta.

Leia a íntegra no Balaio do Kotscho

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247