Ministério Público é acionado para investigar quatro participantes do Big Brother

O deputado estadual do Rio Átila Nunes (MDB), apresentou nesta quarta-feira (10) uma representação contra quatro participantes do Big Brother Brasil deste ano

Os participantes do BBB 21.
Os participantes do BBB 21. (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O jornalista Guilherme Amado, em sua coluna no jornal Época, relata que “o deputado estadual do Rio Átila Nunes, do MDB, apresentou nesta quarta-feira uma representação contra quatro participantes do Big Brother Brasil deste ano.São eles: Nego Di, Projota, Karol Conká e Lumena”. 

Segundo o jornalista, “o pedido foi apresentado à Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância e solicita a abertura de uma investigação para apurar os fatos.O deputado afirma que os participantes cometeram o crime de vilipêndio religioso, que é quando alguém escarnece de alguém publicamente por motivo de crença religiosa”.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email