Mulher invade "SP1", na Globo, com gritos de "fora Temer"

Uma mulher invadiu neste sábado (22) um link ao vivo, na TV Globo, em uma transmissão do 'SP1'; quando o repórter Marcelo Poli falava direto de Paranapiacaba (SP) sobre o festival de inverno que acontece neste fim de semana, uma mulher protestou, aos gritos, contra Michel Temer, que ascendeu ao poder por meio de um golpe parlamentar, e foi o primeiro presidente ser denunciado por corrupção na história do País

Uma mulher invadiu neste sábado (22) um link ao vivo, na TV Globo, em uma transmissão do 'SP1'; quando o repórter Marcelo Poli falava direto de Paranapiacaba (SP) sobre o festival de inverno que acontece neste fim de semana, uma mulher protestou, aos gritos, contra Michel Temer, que ascendeu ao poder por meio de um golpe parlamentar, e foi o primeiro presidente ser denunciado por corrupção na história do País
Uma mulher invadiu neste sábado (22) um link ao vivo, na TV Globo, em uma transmissão do 'SP1'; quando o repórter Marcelo Poli falava direto de Paranapiacaba (SP) sobre o festival de inverno que acontece neste fim de semana, uma mulher protestou, aos gritos, contra Michel Temer, que ascendeu ao poder por meio de um golpe parlamentar, e foi o primeiro presidente ser denunciado por corrupção na história do País (Foto: Felipe L. Goncalves)

247 - Uma mulher invadiu neste sábado (22) um link ao vivo, na TV Globo, em uma transmissão do 'SP1', 

Quando o repórter Marcelo Poli falava direto de Paranapiacaba (SP) sobre o festival de inverno que acontece neste fim de semana, uma mulher protestou, aos gritos, contra Michel Temer.

"Gente, o Festival de Paranapiacaba acontece neste final de semana e no outro também", dizia o repórter quando a mulher o interrompeu. A câmera desviou o foco do repórter, mostrando outras pessoas que estavam no local.

Temer, que ascendeu ao poder por meio de um golpe parlamentar, também foi o primeiro presidente ser denunciado por corrupção na história do País.

Pesquisa do Instituto Datafolha divulgada no último dia 24 mostra que o governo Temer tem aprovação de apenas 7% da população brasileira. É a menor taxa de aprovação desde 1989, quando o presidente José Sarney (PMDB) obteve 5% de aprovação.

O gestão do peemedebista é considerada ruim ou péssima por 69% do eleitorado e regular por 23%. 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247