'O ódio não tem vez em Nova York', diz o senador que liderou ação contra Bolsonaro

O senador estadunidense Brad Hoylman celebrou a notícia de que Bolsonaro desistiu de ir a Nova York para homenagem no Marriot Marquis; ele disse, em seu Twitter: "VITÓRIA: Denunciamos o presidente homofóbico do Brasil Jair Bolsonaro e vencemos. De acordo com as notícias brasileiras, ele se retirou do evento no Marriott Marquis e cancelou sua viagem aos EUA. O ódio não tem vez em Nova York. #CancelBolsonaro"

'O ódio não tem vez em Nova York', diz o senador que liderou ação contra Bolsonaro
'O ódio não tem vez em Nova York', diz o senador que liderou ação contra Bolsonaro

247 - O senador estadunidense Brad Hoylman celebrou a notícia de que Bolsonaro desistiu de ir a Nova York para homenagem no Marriot Marquis. Ele disse, em seu Twitter: "VITÓRIA: Denunciamos o presidente homofóbico do Brasil Jair Bolsonaro e vencemos. De acordo com as notícias brasileiras, ele se retirou do evento no Marriott Marquis e cancelou sua viagem aos EUA. O ódio não tem vez em Nova York. #CancelBolsonaro"

Veja o Twitter do senador Brad Hoylman:

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247