Palmério Doria: carta do Papa a Lula obriga CNBB a repudiar desmonte no País

Segundo o jornalista e escritor Palmério Doria, a carta enviada pelo Papa Francisco a Lula "obriga a CNBB a tomar uma posição ainda mais afirmativa contra o estado de coisas, fazendo chegar ao púlpito as divergências da Igreja com o desmonte do país, que se vão se acelerar na medida em que se aproxima o Sínodo da Amazônia, em outubro"

www.brasil247.com - Palmério Doria: carta do Papa a Lula obriga CNBB a repudiar desmonte no País
Palmério Doria: carta do Papa a Lula obriga CNBB a repudiar desmonte no País (Foto: Dir.: em cima (Reuters))
Siga o Brasil 247 no Google News

247 - O jornalista e escritor Palmério Doria afirmou no Twitter que a carta enviada pelo Papa Francisco ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva "obriga a Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) a tomar uma posição ainda mais afirmativa contra o estado de coisas, fazendo chegar ao púlpito as divergências da Igreja com o desmonte do país, que se vão se acelerar na medida em que se aproxima o Sínodo da Amazônia, em outubro".

No texto, o Papa escreve: "Tenho presente das duras provas que o senhor viveu ultimamente, especialmente da perda de alguns entes queridos, sua esposa Marisa Letícia, seu irmão Genival Inácio e, mais recentemente, seu neto Arthur de somente sete anos- quero lhe manifestar a minha  proximidade espiritual e lhe encorajar pedindo para não desanimar e continuar confiando em Deus".

"Ao assegurar-lhe minha oração a fim de que, neste tempo pascal de Júbilo,  a luz de cristo ressuscitado o cumule de esperança, peço-lhe que não deixe de rezar por mim. Que Jesus o abençoe e a Virgem santa lhe proteja. Fraternalmente".

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email