Produtor de Hollywood é acusado de estupro e preso

David Guillod pode ser condenado de 21 anos à prisão perpétua após ser acusado de estuprar quatro mulheres entre 2012 e 2015

David Guillod
David Guillod (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – O produtor-executivo e agente de talentos de Hollywood David Guillod se entregou às autoridades norte-americanas nesta segunda-feira (22), após ser acusado de estuprar quatro mulheres entre 2012 e 2015, informou seu advogado, Philip Kent Cohen. Ele pode ser condenado de 21 anos à prisão perpétua. A matéria é do jornal Folha de S. Paulo.

O advogado de Guillod disse à AFP (Agencia Francesa de Notícias) que seu cliente "espera poder limpar seu nome no fórum apropriado". "O Sr. Guillod foi difamado por oito anos sem ter a oportunidade de enfrentar suas acusadoras sob juramento" afirma. "A justiça raramente é rápida e muitas vezes não é fácil", conclui. 

Guillo, de 53 anos, enfrenta um total de 11 acusações de estupro contra quatro mulheres. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247