Silvio Santos vende apoio ao fim da Previdência

Emissora passou a receber um bolo bem maior de publicidade do atual governo - R$ 7,3 milhões, ante R$ 1,34 milhão no ano passado - e recebeu o presidente Jair Bolsonaro nesta quinta-feira 2, consolidando seu apoio à reforma da Previdência; gesto similar foi feito pelo dono da emissora com o governo Michel Temer, que não conseguiu aprovar a reforma

Silvio Santos vende apoio ao fim da Previdência
Silvio Santos vende apoio ao fim da Previdência
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O SBT, de Silvio Santos, recebeu o presidente Jair Bolsonaro na tarde desta quinta-feira 2 e, com isso, consagrou a venda do apoio da emissora à Reforma da Previdência. O canal já é forte apoiador do governo Bolsonaro.

O presidente participou da gravação do Programa Silvio Santos, após chegar de helicóptero no complexo localizado na Rodovia Anhanguera, em Osasco. Ele postou foto nos estúdios com Silvio Santos em suas redes sociais.

"Gravando com o maior comunicador deste país. Assuntos de interesse de todos os brasileiros, incluindo a Nova Previdência. Programa irá ao ar neste domingo. Não percam!", tuitou Bolsonaro.

Em janeiro de 2018, Silvio Santos fez o mesmo com Michel Temer, que acabou deixando o poder sem aprovar a reforma da Previdência.

Este ano, o SBT recebeu R$ 7,3 milhões em verbas publicitárias da secretaria de comunicação do governo federal, ficando atrás apenas da Record, que pela primeira vez ultrapassou a Globo e liderou a fatia.

Além da mudança na estrutura de distribuição, que deixou a Globo em terceiro lugar em 2019, o montante pago ao SBT também é muito maior em comparação aos anos anteriores. Em 2018, a emissora de Silvio Santos recebeu R$ 1,1 milhão e em 2017, a partilha foi de R$ 1,34 milhão.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247