Três são detidos em protesto contra a Globo na Câmara

Protesto aconteceu durante uma sessão solene realizada no plenário da Câmara em homenagem aos 50 anos da emissora; manifestantes foram detidos pela Polícia Legislativa ao gritarem palavras de ordem contra a Globo; um deles gritou pedindo pela democratização dos meios de comunicação; sessão, com a presença do vice-presidente das Organizações Globo, João Roberto Marinho, não foi interrompida

Protesto aconteceu durante uma sessão solene realizada no plenário da Câmara em homenagem aos 50 anos da emissora; manifestantes foram detidos pela Polícia Legislativa ao gritarem palavras de ordem contra a Globo; um deles gritou pedindo pela democratização dos meios de comunicação; sessão, com a presença do vice-presidente das Organizações Globo, João Roberto Marinho, não foi interrompida
Protesto aconteceu durante uma sessão solene realizada no plenário da Câmara em homenagem aos 50 anos da emissora; manifestantes foram detidos pela Polícia Legislativa ao gritarem palavras de ordem contra a Globo; um deles gritou pedindo pela democratização dos meios de comunicação; sessão, com a presença do vice-presidente das Organizações Globo, João Roberto Marinho, não foi interrompida (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Três pessoas acabaram detidas após realizarem um protesto contra a Rede Globo durante uma sessão solene no plenário da Câmara Federal, que homenageava, nesta terça-feira 14, os 50 anos da emissora.

Os manifestantes foram detidos pela Polícia Legislativa e a sessão, com a presença do vice-presidente das Organizações Globo, João Roberto Marinho, não chegou a ser interrompida.

Os três jovens foram detidos depois que gritavam palavras de ordem contra a emissora, em meio ao discurso do deputado federal Heráclito Fortes (PSB-PI). Um deles pediu pela democratização dos meios de comunicação. 

Os manifestantes acusaram a Polícia legislativa de agir com "truculência" para impedir o protesto. Eles foram identificados como Lucas Rezende, Esther Othoni e uma terceira pessoa identificada somente como Pedro.

Um deles, Lucas Rezende, é militante do PT e faz parte da Frente Nacional pela Democratização da Mídia, segundo Jefferson Lima, secretário nacional da Juventude do partido.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247