Câmera de segurança registra impacto de avião ucraniano (Vídeo)

Os primeiros segundos do trágico acidente com um Boeing 737-800 ucraniano na capital iraniana, Teerã, foram registrados por uma câmera de segurança. Avaliação inicial diz que o avião tinha sofrido uma falha técnica (prova de sobreaquecimento do motor)

Pessoal do Crescente Vermelho vasculham área do acidente com avião no Irã
Pessoal do Crescente Vermelho vasculham área do acidente com avião no Irã (Foto: Nazanin Tabatabaee/WANA (West Asia News Agency) via REUTERS)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputinik - Os primeiros segundos do trágico acidente com um Boeing 737-800 ucraniano na capital iraniana, Teerã, foram registrados por uma câmera de segurança.

As imagens exibem o violento impacto sofrido pelo avião no momento de sua queda, mostrando o local sendo alastrado pela explosão e rapidamente coberto por destroços em chamas.

Os pedações da aeronave, após a colisão, continuam queimando no chão.

​Irã, Ucrânia e Ukrainian Airlines. Cinco fontes de segurança, três americanos, um europeu e um canadense disseram à Reuters que a avaliação inicial foi que o avião tinha sofrido uma falha técnica (prova de sobreaquecimento do motor) e não um impacto de mísseis. Suposta filmagem do acidente feita por uma câmera de segurança

Operado pela Ukraine International Airlines, o Boeing 737-800 com 176 a bordo caiu logo após a decolagem do Aeroporto Internacional Imam Khomeini em Teerã. Ninguém sobreviveu ao acidente aéreo.

As autoridades locais acreditam que uma questão técnica, possivelmente uma falha no motor, foi a culpada do acidente que se tornou o mais mortal da história da Ucrânia.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247