Carnaval de Veneza é cancelado por causa de coronavírus que já infectou mais de 130 na Itália

Após Itália registrar duas mortes por coronavírus e 132 infectados, as autoridades de Veneza decidiram cancelar celebrações carnavalescas

Desfile de barcos e gôndolas ao longo do Grande Canal em 2019
Desfile de barcos e gôndolas ao longo do Grande Canal em 2019 (Foto: Manuel Silvestri/Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik - O Carnaval de Veneza foi suspenso dois dias antes de seu encerramento oficial, previsto para o dia 25 deste mês.

A razão são os temores de propagação do coronavírus, uma vez que a infecção já foi confirmada em 132 pessoas no país, enquanto outras duas faleceram."Assinamos com o ministro [da Saúde, Roberto] Speranza a ordem de parar todos os eventos públicos e privados, o fechamento de escolas e museus até 1° de março, incluindo o Carnaval de Veneza", declarou o presidente da região de Vêneto, Luca Zaia, citado pelo portal Il Messagero.

Ainda de acordo com a mídia, pelo menos 25 dos casos confirmados do coronavírus foram na região de Vêneto, dos quais três são agentes sanitários.
 

Além da região, as mesmas restrições têm sido anunciadas em outras áreas do país.

As festividades na cidade também tem registrado número menor de foliões que o previsto.

Coronavírus pelo mundo

Após a propagação do surto de coronavírus a nível internacional, pelo menos 2.462 mortes já foram registradas em diferentes países.

Fora da China, país de origem do surto, o Irã foi um dos últimos países a registrar mortes pelo vírus.

Ao total, 8 pessoas faleceram no país, enquanto a Turquia decidiu fechar suas fronteiras com o Irã para impedir que o coronavírus chegue ao seu território.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247