China pede que políticos norte-americanos parem de espalhar teorias da conspiração

Um porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China pediu na segunda-feira que políticos dos Estados Unidos respeitem os fatos, a ciência e o consenso internacional e parem de espalhar teorias da conspiração sobre a origem do vírus da covid-19

Geng Shuang, porta-voz da Chancelaria chinesa
Geng Shuang, porta-voz da Chancelaria chinesa (Foto: Xinhua)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O porta-voz da Chanelaria chinesa, Geng Shuang, criticou os políticos estadunidenses que espalham teorias da conspiração com a intenção de atingir a China 

Em coletiva de imprensa, Geng comentou as recentes alegações de alguns políticos norte-americanos de que o vírus se originou de um laboratório de virologia de Wuhan, informa a Xinhua.

"A origem da covid-19 é uma questão de ciência, que deve depender de cientistas e especialistas médicos para descobrir, mas não deve ser politizada", assinalou Geng.

Cientistas e especialistas de saúde pública da Organização Mundial da Saúde e da maioria dos países, incluindo os Estados Unidos, geralmente acreditam que não há evidências para indicar o novo coronavírus se originando de um laboratório, disse ele.

De acordo com Geng, o diretor do Instituto de Virologia de Wuhan, subordinado à Academia Chinesa de Ciências, negou as alegações sem fundamento e ilógicas do lado americano ao dar uma entrevista, enfatizando que o instituto tem um regime regulatório estrito.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Apoia-se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247