Colômbia autoriza casamento homossexual

Tribunal Constitucional da Colômbia legalizou o casamento entre pessoas do mesmo sexo e o país tornou-se o quarto da América Latina a autorizar o casamento entre homossexuais; "os juízes afirmaram por maioria que o casamento entre pessoas do mesmo sexo não viola a ordem constitucional", afirmou a juíza Maria Victoria Calle, acrescentando que "a atual definição de casamento no direito civil aplica-se da mesma forma a casais do mesmo sexo"; Argentina Uruguai e Brasil também autorizam o casamento homosexual

Tribunal Constitucional da Colômbia legalizou o casamento entre pessoas do mesmo sexo e o país tornou-se o quarto da América Latina a autorizar o casamento entre homossexuais; "os juízes afirmaram por maioria que o casamento entre pessoas do mesmo sexo não viola a ordem constitucional", afirmou a juíza Maria Victoria Calle, acrescentando que "a atual definição de casamento no direito civil aplica-se da mesma forma a casais do mesmo sexo"; Argentina Uruguai e Brasil também autorizam o casamento homosexual
Tribunal Constitucional da Colômbia legalizou o casamento entre pessoas do mesmo sexo e o país tornou-se o quarto da América Latina a autorizar o casamento entre homossexuais; "os juízes afirmaram por maioria que o casamento entre pessoas do mesmo sexo não viola a ordem constitucional", afirmou a juíza Maria Victoria Calle, acrescentando que "a atual definição de casamento no direito civil aplica-se da mesma forma a casais do mesmo sexo"; Argentina Uruguai e Brasil também autorizam o casamento homosexual (Foto: Paulo Emílio)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Lusa - O Tribunal Constitucional da Colômbia legalizou o casamento entre pessoas do mesmo sexo. "Os juízes afirmaram por maioria que o casamento entre pessoas do mesmo sexo não viola a ordem constitucional", afirmou a juíza Maria Victoria Calle, acrescentando que "a atual definição de casamento no direito civil aplica-se da mesma forma a casais do mesmo sexo".

Na Colômbia, os casais do mesmo sexo já podiam formalizar sua união, mas ficavam em uma situação jurídica incerta. Vários apelos foram feitos no sentido de definir a questão.

No dia 7 de abril, o Tribunal Constitucional já tinha rejeitado uma petição contra os direitos de casamentos iguais para casais heterossexuais e homossexuais.

A rejeição abriu caminho para a decisão, tomada quinta-feira (28), que estabelece definitivamente a igualdade garantida pela Constituição, dando aos casais homossexuais o direito legal de se casarem.

A Colômbia tornou-se o quarto da América Latina a autorizar o casamento entre homossexuais. A Argentina foi o primeiro, seguido do Uruguai e do Brasil.

No México, o casamento homossexual é legal em alguns estados e o Supremo Tribunal já decidiu que é inconstitucional estados mexicanos proibirem o casamento homossexual.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email