Começa na Venezuela processo penal contra Guaidó

A justiça venezuelana iniciou um processo penal contra o autoproclamado presidente interino da Venezuela, o líder da oposição Juan Guaidó, segundo anunciou o chefe do Comitê de Legislação da Assembleia Constituinte, Julio García Serpa; de acordo com ele, o processo será conduzido pelo Supremo Tribunal e pelo procurador-geral

Começa na Venezuela processo penal contra Guaidó
Começa na Venezuela processo penal contra Guaidó

Sputnik - A justiça venezuelana iniciou um processo penal contra o autoproclamado presidente interino da Venezuela, o líder da oposição Juan Guaidó, segundo anunciou o chefe do Comitê de Legislação da Assembleia Constituinte, Julio García Serpa.

De acordo com ele, o processo será conduzido pelo Supremo Tribunal e pelo procurador-geral.

Na terça-feira (2), a Assembleia Constituinte aprovou a continuidade do processo de investigação contra Guaidó. Na quarta-feira (3), o presidente da Assembleia, Diosdado Cabello explicou que isso significa retirar a imunidade parlamentar do líder da oposição.

"Tudo é realizado no âmbito da Constituição e da lei", assegurou Diosdado Cabello.

"A justiça decidirá com base em evidências relevantes. Ele terá terá um advogado de defesa. A justiça será aplicada", indicou García Serpa.

"Ele terá que pagar por tudo o que fez, terá que pagar pela traição à pátria", declarou.

Anteriormente, o Supremo Tribunal de Justiça (STJ) da Venezuela pediu à Assembleia Constituinte para suspender a imunidade parlamentar do autoproclamado presidente interino venezuelano, Juan Guaidó.

Em janeiro, Guaidó se declarou presidente interino da Venezuela após contestar a vitória eleitoral de Maduro. Os EUA reconheceram Guaidó como presidente e pediram a Maduro que se demitisse. Maduro, por sua vez, chamou Guaidó de marionete norte-americana e acusou os EUA de tentarem orquestrar um golpe.

Conheça a TV 247

Mais de Mundo

Ao vivo na TV 247 Youtube 247