Contra estratégia golpista de Trump, Biden pede união

O candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos, Joe Biden, fez na noite da quarta-feira (4) um discurso em que falou como presidente, prometendo unir o povo americano, embora ainda não tenha se declarado vitorioso. Ele se opôs assim à estratégia golpista de Trump que não aceita a derrota projetada

Joe Biden
Joe Biden (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Com as projeções apontando sua vitória, Biden disse a apoiadores em Delaware, estado onde vive, que está confiante em que, no fim da apuração, sairá como vencedor.

"Eu não estou aqui para declarar que nós vencemos, mas estou aqui para dizer que, quando a contagem terminar, acreditamos que seremos os vencedores", afirmou. "Após uma longa noite de apuração, está claro que estamos ganhando em estados suficientes para alcançar os 270 votos necessários para conquistar a Presidência", disse Biden, segundo informa a jornalista Marina Dias da Folha de S.Paulo

A fala de Biden é uma contraposição à estratégia golpista de Donald Trump, que já anunciou não aceitar o resultado e  tomou iniciativas visando a judicializar o pleito, pedindo a recontagem de votos em estados decisivos do Meio-Oeste americano. 

Enquanto Biden discursava, a projeção da CNN indicava que o ex-vice de Barack Obama havia levado Michigan, fazendo-o chegar mais perto dos 270 votos que precisa para vencer a disputa. Mais cedo, ele havia ganhado Wisconsin.

Biden fez discurso de estadista, e pregou a união do povo estadunidense. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247