Coreia do Norte suspende planos de atacar território norte-americano de Guam

Coreia do Norte reduziu a tensão com os Estados Unidos ao suspender por tempo indeterminado seus planos de atacar com mísseis a ilha de Guam, no Pacífico, onde os Estados Unidos têm uma base militar; líder norte-coreano Kim Jong-un vai avaliar agora "por um período mais longo" o comportamento dos Estados Unidos antes de reagir; Kim Jong-un afirmou, no entanto, que, caso Washington mantenha "suas ações extremamente perigosos na península coreana", não hesitará em tomar imediatamente uma decisão "importante"

Coreia do Norte suspende planos de atacar território norte-americano de Guam
Coreia do Norte suspende planos de atacar território norte-americano de Guam
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Agência Brasil - A Coreia do Norte reduziu a tensão com os Estados Unidos ao suspender por tempo indeterminado seus planos de atacar com mísseis a ilha de Guam, no Pacífico, onde os Estados Unidos têm uma base militar. As informações são da agência de notícias Télam.

O líder norte-coreano Kim Jong-un vai avaliar agora "por um período mais longo" o comportamento dos Estados Unidos antes de reagir, informou a agência oficial de notícias KCNA.

"Os Estados Unidos deveriam, inicialmente, tomar a decisão acertada e provar, por seu comportamento, que querem reduzir as tensões e evitar um conflito militar perigoso na península coreana", disse Kim.

Kim Jong-un afirmou, no entanto, que, caso Washington mantenha "suas ações extremamente perigosos na península coreana", não hesitará em tomar imediatamente uma decisão "importante".

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

Apoie o 247

WhatsApp Facebook Twitter Email