Dilma vai à posse de Bachelet, no Chile

Socialista chilena volta à presidência após governar o país entre 2006 e 2010, quando o atual presidente, Sebastián Piñera, assumiu o posto; cerimônias de posse ocorrem na terça (11), no Congresso Nacional do Chile, que fica na cidade de Valparaiso, e no Palácio Presidencial de Cerro Castillo, na vizinha Viña del Mar; Bachelet terá por desafio cumprir promessas como a reforma da Constituição

Socialista chilena volta à presidência após governar o país entre 2006 e 2010, quando o atual presidente, Sebastián Piñera, assumiu o posto; cerimônias de posse ocorrem na terça (11), no Congresso Nacional do Chile, que fica na cidade de Valparaiso, e no Palácio Presidencial de Cerro Castillo, na vizinha Viña del Mar; Bachelet terá por desafio cumprir promessas como a reforma da Constituição
Socialista chilena volta à presidência após governar o país entre 2006 e 2010, quando o atual presidente, Sebastián Piñera, assumiu o posto; cerimônias de posse ocorrem na terça (11), no Congresso Nacional do Chile, que fica na cidade de Valparaiso, e no Palácio Presidencial de Cerro Castillo, na vizinha Viña del Mar; Bachelet terá por desafio cumprir promessas como a reforma da Constituição (Foto: Valter Lima)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Paulo Victor - Repórter da Agência Brasil

A presidenta Dilma Rousseff participa, na próxima terça-feira (11), da posse da presidenta eleita do Chile, Michelle Bachelet. A socialista chilena volta à presidência após governar o país entre 2006 e 2010, quando o atual presidente, Sebastián Piñera, assumiu o posto.

As cerimônias de posse ocorrem no Congresso Nacional do Chile, que fica na cidade de Valparaiso, a 120 quilômetros de Santiago, e no Palácio Presidencial de Cerro Castillo, na vizinha Viña del Mar. Bachelet terá por desafio cumprir promessas como a reforma da Constituição.

Quando eleita, Michelle Bachelet foi parabenizada por Dilma, que manifestou desejo de que "Brasil e Chile possam trabalhar juntos por uma América do Sul cada vez mais forte". Segundo a presidenta brasileira, ambos os países têm muito a cooperar, e compreendem claramente o papel da integração sul-americana.

A presidenta Dilma ainda pode participar, no Chile, da Mesa de Alto Nível sobre o desenvolvimento da América Latina e do Caribe. O evento, marcado para quarta-feira (12), será em Santiago, na sede da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (Cepal), e deve contar com a presença das presidentas chilena e brasileira, além de José Mujica, presidente do Uruguai.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email