Em meio à pandemia de coronavírus, Papa pede ao mundo que não se esqueça do combate à malária

Cerca de 219 milhões de pessoas contraíram malária em todo o mundo no ano de 2017, com 430 mil mortes. Mais de 90% das vítimas fatais da doença são da África

(Foto: Reuters)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – O Papa Francisco pediu neste domingo (26) que o mundo não se esqueça da batalha contra a malária, que "ameaça milhões de pessoas em vários países", por estar enfrentando a pandemia do novo coronavírus. Neste sábado (25) foi o dia internacional da luta contra a doença. A informação é do portal G1.  

"Ao combatermos a pandemia de coronavírus, também devemos aumentar o compromisso de prevenir e curar a malária que ameaça milhões de pessoas em muitos países", declarou o papa ao final da oração de domingo.

No ano de 2017, cerca de 219 milhões de pessoas contraíram malária em todo o mundo, com 430 mil mortes. Mais de 90% das vítimas fatais da doença são da África, de acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247