Forte terremoto sacode ilhas gregas e cidades na Turquia (VÍDEOS)

Terremoto atinge ilhas gregas no mar Egeu e litoral da Turquia, enquanto tremor provocou danos na província turca de Izmir.

Trremoto
Trremoto
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Sputnik  - Um Terremoto atinge ilhas gregas no mar Egeu e litoral da Turquia na manhã desta sexta-feira (30), enquanto tremor provocou danos na província turca de Izmir.

Governador da província turca de Izmir, Yavuz Selim Kosger, informou que prédios na capital da província, com o mesmo nome, apresentam rachaduras, enquanto grupo de crise foi criado.

Investigações e operações de resgate estão em andamento, porém até o momento não há relatos sobre vítimas na Turquia.

Vídeo abaixo mostra fumaça e pessoas nas ruas de Izmir logo após o terremoto.

Além de Izmir, o abalo foi sentido em Istambul. Contudo, de acordo com o governador da província de mesmo nome, Ali Yerlikaya, ainda não há relatos de feridos ou destruições.

VÍDEO - Imagens mostram prédio destruído por forte tremor que abalou o oeste da Turquia

Segundo a agência turca Anadolu, o tremor foi sentido por pelo menos 15 segundos em muitas províncias no oeste do país.

Abalos continuados de magnitude entre 3,9 e 4,8 na escala Richter são reportados na Turquia.

Grécia

Segundo o site de notícias grego ekhatimerini.com, o terremoto foi de 6,7 na escala Richter e também atingiu o leste da Grécia, em especial a ilha de Samos.

Por sua vez, o Serviço Geológico dos EUA (USGS, na sigla em inglês) calculou que o sismo teve magnitude de 7,0 na escala Richter com epicentro a cerca de 14 km de Neon Karlovasion, na Grécia.

O abalo também foi sentido a 300 km do local na capital Atenas, segundo reporte do Observatório Nacional de Atenas do Instituto Geodinâmico (NOA, na sigla em inglês).

De acordo com o portal grego Samos Voice, uma pessoa ficou ferida na Grécia.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email