Greve no Aeroporto de Frankfurt vai até sexta

Sindicato trabalhista alemo continuar em greve por melhores salrios e condies; sero cancelados 187 dos 1.200 voos programados nesta tera-feira

Greve no Aeroporto de Frankfurt vai até sexta
Greve no Aeroporto de Frankfurt vai até sexta (Foto: Alex Domanski/Reuters)

O sindicato trabalhista alemão GdF afirmou nesta terça-feira que continuará em greve até a noite de sexta-feira, em meio a uma disputa trabalhista por melhores salários e condições.

A operadora aeroportuária Fraport informou que serão cancelados 187 dos 1.200 voos programados nesta terça-feira, após informar que 80% dos voos operaram na segunda-feira, com 240 cancelamentos. A Fraport também informou que as greves custaram à companhia 3,5 milhões de euros a 4 milhões de euros em vendas na quinta-feira e na sexta-feira da semana passada.

A Fraport informou que estava preparada para as greves e havia encontrado pessoas para repor os grevistas em suas funções.

Na terça-feira, um porta-voz da maior companhia aérea alemã, Deutsche Lufthansa, a empresa mais afetada pela paralisação, confirmou que era preciso cancelar apenas 160 voos nesta terça-feira, menos que o anteriormente previsto, e menos que os 200 voos cancelados na segunda-feira. A porta-voz da Lufthansa disse na segunda-feira que os cancelamentos afetavam apenas voos dentro da Europa, mas ela não quis comentar o custo da greve. Na sexta-feira, a Lufthansa cancelou 232 voos.

O sindicato GdF representa cerca de 200 empregados da Fraport no centro de operação de tráfego aéreo. Um porta-voz do sindicato repetiu nesta terça-feira que a GDF tem estrutura financeira para manter as greves. As informações são da Dow Jones.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247