Hollande cogita não receber Putin em Paris

O presidente da França, François Hollande, afirmou que não tem certeza se vai se reunir com seu colega russo quando ele estiver visitando Paris em 19 de outubro e condenou o apoio inaceitável de Vladimir Putin aos ataques aéreos na Síria

Presidente francês, François Hollande, chega ao Palácio do Eliseu após visitar centro de crise do Ministério do Interior em Paris. 09/01/2015 REUTERS/Philippe Wojazer
Presidente francês, François Hollande, chega ao Palácio do Eliseu após visitar centro de crise do Ministério do Interior em Paris. 09/01/2015 REUTERS/Philippe Wojazer (Foto: Leonardo Attuch)

PARIS (Reuters) - O presidente da França, François Hollande, afirmou que não tem certeza se vai se reunir com seu colega russo quando ele estiver visitando Paris em 19 de outubro e condenou o apoio inaceitável de Vladimir Putin aos ataques aéreos na Síria.

Os comentários de Hollande foram feitos durante entrevista a uma emissora de televisão, divulgada neste domingo.

Perguntado sobre a visita de Putin, Hollande afirmou à emissora TF1 que ele provavelmente receberá Putin. "Ainda estou me fazendo esta pergunta", disse Hollande.

"Podemos fazer alguma coisa que faça ele parar o que está fazendo junto com o regime sírio, que é apoiar o bombardeamento da população de Aleppo por suas forças aéreas?", questionou o líder francês.

A população de Aleppo "é vítima de crimes de guerra hoje", disse o presidente francês. "Aqueles que cometem estes atos serão considerados responsáveis, incluindo perante o Tribunal Criminal Internacional", acrescentou.

A entrevista completa será divulgada pela TF1 na segunda-feira.

(Por Laurence Frost)

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247