Irã considera histórica a convenção do mar Cáspio

O Irã considera um marco histórico o acordo estabelecido entre os cinco países situados ao redor do mar Cáspio, segundo expressou hoje o porta-voz da chancelaria Bahram Ghasemi

Irã considera histórica a convenção do mar Cáspio
Irã considera histórica a convenção do mar Cáspio

O Irã considera um marco histórico o acordo estabelecido entre os cinco países situados ao redor do mar Cáspio, segundo expressou hoje o porta-voz da chancelaria Bahram Ghasemi.

Em nenhum caso, acrescentou, foram violados os direitos da República islâmica na convenção sobre o estado legal do mar Cáspio.

Ghasemi negou versões opostas a esse pacto divulgadas por redes sociais e reafirmou que se trata de um acordo histórico, assinado domingo passado por cinco nações na cidade portuária cazaca de Aktau, e uma conquista diplomática para o país persa.

O acordo inclui cooperação sobre antiterrorismo, crime organizado, economia, comércio, transporte, segurança e guarda costeira, ainda que o mais importante se refira à proibição da presença alheia aos signatários.

'Acho que é um ponto de inflexão no âmbito regional após duas décadas e milhares de horas de conversas entre especialistas, gestores, ministros e chefes de Estado; um dia, destacou, que pode contribuir para a paz, a estabilidade e a segurança na região'.

De acordo com Ghasemi, o Irã não perdeu direito algum na convenção do Cáspio e alertou àqueles que divulgam falsos rumores a que sejam mais realistas e precisos na hora de emitir opiniões.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247