Líderes da UE concedem status de candidato a Ucrânia e Moldávia

Os presidentes da Ucrânia e da Moldávia saudaram a decisão

www.brasil247.com - Bandeiras da UE do lado de fora do prédio da Comissão Europeia em Bruxelas
Bandeiras da UE do lado de fora do prédio da Comissão Europeia em Bruxelas (Foto: REUTERS/Francois Lenoir)


247 - Líderes europeus concederam à Ucrânia e à Moldávia o status de candidato à União Europeia, abrindo as portas para o longo processo de adesão, que envolve a garantia de direitos democráticos e de instituições. O presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, fez o anúncio após discussões entre os líderes dos 27 estados-membros da UE. 

Mais cedo nesta quinta-feira, o Parlamento Europeu votou a favor de conceder à Ucrânia e à Moldávia o status de candidato à UE. 

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, saudou a decisão, chamando-a de “um momento único e histórico” nas relações com o bloco. “O futuro da Ucrânia está na UE”, tuitou.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

“A Ucrânia está passando por um inferno por uma razão simples: seu desejo de ingressar na UE”, tuitou a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Mais cedo, o ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmytro Kuleba, disse que o status de candidato “traçaria uma linha sob décadas de ambiguidade e a definiria: a Ucrânia é a Europa, não parte do ‘mundo russo’”.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A presidente da Moldávia, Maia Sandu, tuitou que a decisão foi um "forte sinal de apoio à Moldávia e aos nossos cidadãos". 

Enquanto isso, os líderes europeus não conseguiram concordar sobre as candidaturas da Macedônia do Norte e da Albânia.

Os dois países receberam o status de candidato em 2005 e 2014, respectivamente, e Dimitar Kovacevski, primeiro-ministro da Macedônia do Norte, respondeu à falta de progresso. "O que aconteceu é um sério golpe na credibilidade (da) União Europeia", disse Kovacevski em entrevista coletiva após a cúpula. (Com informações da agência Deutsche Welle). 

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Assine o 247, apoie por Pix, inscreva-se na TV 247, no canal Cortes 247 e assista:

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Cortes 247

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email