Lula assina manifesto internacional em defesa da quebra das patentes das vacinas contra a covid-19

O ex-presidente Lula e outras cinquenta personalidades mundiais assinaram manifesto pela quebra das patentes das vacinas contra a covid-19. "O lucro não pode ser um freio à saúde global. É hora de salvar vidas", afirmam

(Foto: Ricardo Stuckert)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - O ex-presidente Lula anunciou pelo Twitter que assinou um manifesto internacional pela quebra das patentes das vacinas contra a covid-19. 

Como o dinheiro não deve ser um obstáculo à saúde global, as vacinas não devem ser tratadas como mercadorias, mas como bens comuns. É hora de acertarmos as licenças que permitem sua fabricação gratuita, dizem cerca de 50 personalidades da esquerda internacional, que também assinaram o manifesto. 

Jean-Luc Mélenchon, líder do partido França Insubmissa, afirma: “Propomos o levantamento das patentes de vacinas e tratamentos futuros contra a covid. O dinheiro não deve ser um freio à saúde global”.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email