Macri pode não concorrer à reeleição

Cada vez mais afundado numa crise econômica e social de vastas proporções, o presidente argentino Maurício Macri pode desistir de concorrer à reeleição, em outubro próximo; um dos fatores que podem tirar o presidente neoliberal do páreo é a crise de confiança dos próprios investidores; o país vizinho pode viver grandes abalos políticos antes mesmo das eleições

Macri pode não concorrer à reeleição
Macri pode não concorrer à reeleição (Foto: Elza Fiúza/Agência Brasil)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Cada vez mais afundado numa crise econômica e social de vastas proporções, o presidente argentino Maurício Macri pode desistir de concorrer à reeleição, em outubro próximo. Um dos fatores que podem tirar o presidente neoliberal do páreo é a crise de confiança dos próprios investidores. O país vizinho pode viver grandes abalos políticos antes mesmo das eleições.

Uma das possibilidades aventadas pelo entorno político de Macri, organizado na coligação Cambiemos, é a substituição de sua candidatura pela da governadora de Buenos Aires, María Eugenia Vidal.

As forças conservadoras e neoliberais alinhadas no governo Macri temem a derrota. A senadora e ex-presidenta da República, Cristina Kirchner, lidera as pesquisas da corrida presidencial, com oito pontos percentuais de vantagem sobre o presidente em um eventual segundo turno.

Reportagem de Marsílea Gombata no jornal Valor Econômico informa que María Eugenia declarou que "só disputaria a Presidência se o presidente pedisse". Ela já está sendo cortejada por setores do empresariado. María Eugenia e disseram que ela seria uma boa candidata à Presidência.

"O debate cresce após divulgação de novas pesquisas que mostram Macri mal nos cenários de primeiro turno, e a ex-presidente Cristina Kirchner com oito pontos percentuais de vantagem sobre ele em um segundo turno", indica a reportagem.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247