Maduro agradece à China por ajuda econômica e reafirma parceria

Três dias após o anúncio do bloqueio de todos os ativos estatais da Venezuela nos Estados Unidos, o presidente do país sul-americano, Nicolás Maduro, agradeceu à China pela ajuda na construção de um projeto petrolífero e reiterou a aliança com o país asiático

EFE - Três dias após o anúncio do bloqueio de todos os ativos estatais da Venezuela nos Estados Unidos, o presidente do país sul-americano, Nicolás Maduro, agradeceu à China pela ajuda na construção de um projeto petrolífero.

"Agradeço, sempre, à China, por todo este esforço e toda a cooperação", disse Maduro nesta quinta-feira (8) ao anunciar a entrada em operação de uma expansão do Complexo Petroquímico e Industrial General de Divisão José Antonio Anzoátegui, no estado de Anzoátegui.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247