Maduro diz que Trump sequestrou cinco bilhões de dólares destinados a medicamentos

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, acusou o presidente estadunidense, Donald Trump, de sequestrar dinheiro venezuelano destinado à compra de medicamentos

Maduro diz que Trump sequestrou cinco bilhões de dólares destinados a medicamentos
Maduro diz que Trump sequestrou cinco bilhões de dólares destinados a medicamentos
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247, com Sputnik - O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, acusou o presidente estadunidense, Donald Trump, de sequestrar dinheiro venezuelano destinado à compra de medicamentos.

"O caráter criminoso das sanções do governo de Donald Trump contra a Venezuela, contra toda a Venezuela, é a perseguição que há contra os medicamentos, nos sequestrou cinco bilhões de dólares destinados à compra de medicamentos no mundo", disse o chefe de Estado a uma emissora estatal.

Durante uma visita a uma fábrica de medicamentos na cidade de Charallave, no estado de Miranda (norte do país), o presidente indicou que esse dinheiro seria destinado a importar componentes ativos para fabricar remédios na Venezuela e fornecer medicamentos para a rede de hospitais, farmácias e ambulatórios do país.

O presidente acusou Trump de causar a escassez de medicamentos na Venezuela para logo dizer que enviará ajuda humanitária.

"Donald Trump, você é o responsável por uma das medidas mais criminosas contra um povo no mundo: perseguir a compra de medicamentos para depois dizer que [os EUA] estão dispostos a enviar ajuda humanitária", acrescentou o presidente.

Além disso, Maduro sublinhou que a Venezuela tem capacidade para cobrir 70% das necessidades internas e que o restante está em negociações para sua importação com países como a Rússia, China, Índia, Irã, Turquia e Bielorrússia.

O presidente venezuelano ordenou estabelecer uma tabela de preços de produtos farmacêuticos com a indústria privada, e sublinhou que também "há que ajudá-los" com a importação de matérias-primas.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247