Ministro alemão diz que EUA devem pesar consequências de sair de tratado nuclear

O ministro alemão das Relações Exteriores, Heiko Maas (foto), afirmou neste domingo (21) que os Estados Unidos deveriam considerar as consequências para a Europa e para os esforços futuros de desarmamento de se retirar de um tratado internacional para eliminação de um determinado tipo de armas nucleares

Ministro alemão diz que EUA devem pesar consequências de sair de tratado nuclear
Ministro alemão diz que EUA devem pesar consequências de sair de tratado nuclear
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247, com Reuters - O ministro alemão das Relações Exteriores, Heiko Maas (foto), afirmou neste domingo (21) que os Estados Unidos deveriam considerar as consequências para a Europa e para os esforços futuros de desarmamento de se retirar de um tratado internacional para eliminação de um determinado tipo de armas nucleares.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, justificou sua decisão, anunciada no sábado, de retirar os EUA do Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermediário (INF, na sigla em inglês) ao afirmar que a Rússia não cumpriu termos do tratado de 1987.

"O tratado...por 30 anos foi um importante pilar da arquitetura de segurança europeia", disse Maas em comunicado divulgado neste domingo. "Temos pedido com frequência para a Rússia resolver as sérias alegações de que está violando o tratado. Agora pedimos para os EUA considerarem as possíveis consequências."

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247