Morre o ex-presidente egípcio Mohamed Mursi

O ex-presidente egípcio Mohamed Mursi morreu em pleno tribunal, informou a televisão estatal nesta segunda-feira; mídia local declarou que Mursi, de 67 anos, estava participando de uma sessão em seu julgamento por acusações de espionagem quando ele desmaiou e morreu; uma das principais figuras da Irmandade Muçulmana, ele foi eleito em 2012 nas primeiras eleições livres do país após a saída do líder Hosni Mubarak.

Morre o ex-presidente egípcio Mohamed Mursi
Morre o ex-presidente egípcio Mohamed Mursi

Sputnik Brasil - O ex-presidente egípcio Mohamed Mursi morreu em pleno tribunal, informou a televisão estatal nesta segunda-feira.

A mídia local declarou que Mursi, de 67 anos, estava participando de uma sessão em seu julgamento por acusações de espionagem quando ele desmaiou e morreu.

Seu corpo foi levado para um hospital, prosseguiu a TV estatal.

Mursi, uma das principais figuras da Irmandade Muçulmana, foi eleito em 2012 nas primeiras eleições livres do país após a saída do líder Hosni Mubarak.

Contudo, ele acabou derrubado pelas Forças Armadas em 2013, após protestos em massa contra essa regra.

Mursi cumpriu pena de sete anos por falsificar o pedido de candidatura para a corrida presidencial de 2012.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247