Obama pede que Israel acabe com ocupações

Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse que palestinos e israelenses  se beneficiariam caso Israel reconhecesse que não pode ocupar permanentemente terras palestinas e se palestinos rejeitassem o incitamento e reconhecessem a legitimidade de Israel; "Com certeza israelenses e palestinos estarão melhores caso palestinos rejeitem incitamentos e reconheçam a legitimidade de Israel... (e se) Israel reconhecer que não pode permanentemente ocupar e se estabelecer em território palestino", disse Obama durante discurso na Assembleia Geral anual da ONU

Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, durante evento em Washington. 04/05/2016 REUTERS/James Lawler Duggan
Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, durante evento em Washington. 04/05/2016 REUTERS/James Lawler Duggan (Foto: Paulo Emílio)

Reuters - Ambos lados se beneficiariam caso Israel reconhecesse que não pode ocupar permanentemente terras palestinas e se palestinos rejeitassem o incitamento e reconhecessem a legitimidade de Israel, disse nesta terça-feira o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama.

"Com certeza israelenses e palestinos estarão melhores caso palestinos rejeitem incitamentos e reconheçam a legitimidade de Israel... (e se) Israel reconhecer que não pode permanentemente ocupar e se estabelecer em território palestino", disse Obama durante discurso final como presidente antes da Assembleia Geral anual da ONU.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247