Organização Mundial de Saúde diz que devastação da Amazônia ameaça a saúde humana

A Organização Mundial da Saúde alerta que os incêndios na Amazônia representam uma ameaça real e imediata à saúde humana, informa o jornalista Jamil Chade em seu blog

(Foto: Jamil Chade | Esio Mendes)

247 - A Organização Mundial da Saúde alerta que os incêndios na Amazônia representam uma ameaça real e imediata à saúde humana, informa o jornalista Jamil Chade em seu blog

Em entrevista ao UOL, a diretora da OMS para Saúde Pública e Meio Ambiente, Maria Neira, insistiu que governos em todo o mundo precisam agir de forma rápida para lidar com essas situações.  

"A contaminação do ar já mata 7 milhões de pessoas ao ano", disse. "Esses incêndios, no Brasil e em outros países, representam um problema para a saúde", alertou.

Segundo ela, os estudos têm verificado que a fumaça produzida nessas regiões tem uma capacidade de se deslocar com velocidade e por vastas extensões de terra.  

Mas seu alerta é sobre as populações afetadas pelas fumaças. "Essa deve ser também nossa preocupação. Claro, quanto mais perto do incêndio, maior será o impacto sobre populações em centros urbanos. Mas também sabemos que essa fumaça viaja longe", disse.  

A diretora da OMS também aponta para a questão da biodiversidade. "Cada vez que temos um incêndio, essa biodiversidade é perdida", disse.    "Temos de lutar contra os incêndios por muitas razões. Pelo patrimônio de populações locais e biodiversidade. Mas, acima de tudo, para proteger a vida", insistiu.  

Segundo Neira, o que ocorre hoje terá muitas consequências "no curto, médio e longo prazo". Por isso, ele pede medidas "rápidas e imediatas"

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247