Protestos tomam Itália e Espanha após medidas para conter segunda onda da Covid-19

Na Itália e em alguns pontos da Espanha, protestos tomaram as ruas na segunda-feira contra as novas restrições do governo para combater a segunda onda da Covid-19. Foram registrados confrontos intensos com saques e episódios de violência

Greve geral na França é marcada por protestos
Greve geral na França é marcada por protestos (Foto: REUTERS/Gonzalo Fuentes)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Na Itália e em alguns pontos da Espanha, protestos tomaram as ruas na segunda-feira (26) contra as novas restrições do governo para combater a segunda onda da Covid-19. O governo italiano anunciou no domingo (25) que bares e restaurantes deverão fechar até as 18h, já os cinemas, piscinas públicas e outros espaços públicos deverão encerrar suas atividades temporariamente. A reportagem é do jornal O Globo. 

Confrontos intensos com saques e violência foram registrados na Península Itálica, em pelo menos duas grandes cidades da região Norte, que por sua vez foi duramente afetada com a primeira onda da Covid-19.

Em Piemonte, no centro de Turim, os protestos aconteceram ao redor de um shopping de luxo, com saques a lojas de marcas como Gucci, Louis Vuitton e Apple, acrescenta a reportagem. 

Até o momento, cinco pessoas foram denunciadas por furto e danos ao patrimônio, informaram as autoridades locais. Entre os responsáveis, estavam movimentos de extrema direita infiltrados em um protesto anteriormente pacífico.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247