Putin fecha acordo para usar base aérea síria

O presidente russo, Vladimir Putin, ratificou um acordo com o governo sírio que permite que a Rússia use a base aérea de Hmeimim, na Síria, indefinidamente, informou o Kremlin nesta sexta-feira; a Força Aérea russa tem realizado ataques aéreos em apoio ao presidente sírio, Bashar al-Assad, a partir da base Hmeimim

Presidente russo, Vladimir Putin, durante reunião de segurança no Kremlin, em Moscou, na Rússia. 04/12/2015 REUTERS/Alexei Nikolsky/Sputnik/Kremlin
Presidente russo, Vladimir Putin, durante reunião de segurança no Kremlin, em Moscou, na Rússia. 04/12/2015 REUTERS/Alexei Nikolsky/Sputnik/Kremlin (Foto: Leonardo Attuch)

MOSCOU (Reuters) - O presidente russo, Vladimir Putin, ratificou um acordo com o governo sírio que permite que a Rússia use a base aérea de Hmeimim, na Síria, indefinidamente, informou o Kremlin nesta sexta-feira.

A Força Aérea russa tem realizado ataques aéreos em apoio ao presidente sírio, Bashar al-Assad, a partir da base Hmeimim.

A Rússia também anunciou nesta semana planos de construir uma base naval permanente no porto sírio de Tartus.

O Kremlin informou que custos associados ao acordo ratificado por Putin serão gastos normais da Defesa em cada ano do orçamento federal.

(Reportagem de Alexander Winning)

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247